Resenha: Star Wars – Lordes dos Sith

Star Wars – Lordes dos Sith, escrito por Paul S. Kemp foi lançado nos Estados Unidos em 2015 e trazido para o Brasil em 2016 pela editora Aleph, a história tem 346 páginas e 18 capítulos bem distribuídos, com bastante referências a série animada The Clone Wars e ao terceiro filme da saga, A Vingança dos Sith.

O livro faz parte do novo cânone proposto pela Disney após o reboot em 2014, e a história se passa 8 anos após a republica cair e o império galáctico dominar a galáxia, tudo se desenvolve em volta do Planeta Ryloth, planeta da raça Twi’lek, onde o movimento Ryloth livre luta para libertar-lo do comando do Império, comandado por Cham Syndulla, que sempre entoa que o movimento é libertário e não terrorismo, e por sua braço direito Isval, ex escrava com sede de vingança insaciável, tentam minar as forças do império com ajuda de Belkor Dray, coronel do império galáctico que comanda todas as forças do império no planeta estando abaixo apenas da Moff Delian Mors. Cham sempre muito bem informado descobre que a perigo, destróier estelar, está vindo ao planeta e arma um plano para destruir a mesma.

Com o progredir da história vemos mais de perto a relação entre mestre sith e aprendiz, de Darth Sidious e Darth Vader, que se mostra ser instável e intensa. O autor mostra os conflitos pessoais que Vader tem com seu passado e como luta para se desvencilhar deles ao mesmo tempo que nutre seu poder com a raiva e dor que tem ao se lembrar do que deixou para trás. Ao mesmo tempo que mostra o quão ardiloso pode ser o Imperador e mestre, sempre testando seu novo pupilo a ponto de saber o que Vader está pensando.

Os capítulos vão alternando entre os passos do movimento libertário e os do império em resposta, o que torna a história interessante e envolvente, de leitura fácil de ser digerida e absorvida você se vê dentro dos conflitos e fica difícil parar de ler, sempre com muito suspense e ação.

É um ótimo livro pra quem é fã e conhece a série animada, pois apresenta nos flashes de memória de Vader personagens apresentados na série, e mesmo pra quem não conhece a animação não sai perdendo ao ler, porque demonstra de uma forma mais aprofundada a transição do cavaleiro Jedi Anakin Skywalker até o aprendiz do lado negro da força Darth Vader, é um livro pra quem gosta de Star Wars.

Star Wars – Lordes dos Sith,
de Paul S. Kemp, 2016.
Contém 352 paginas.
Publicado no Brasil pela Editora Aleph.

COMENTÁRIOS

Não existem comentários

Os comentários estão fechados.